Menu

O Lugar certo da emoção!

Sornoza brilha, Flu atropela o Salgueiro e avança na Copa do Brasil

15 FEV 2018
15 de Fevereiro de 2018
O Fluminense venceu e convenceu pela primeira vez no ano. O 5 a 0 sobre o Salgueiro-PE no Estádio Nilton Santos, além de garantir o Tricolor na terceira fase da Copa do Brasil, veio acompanhada de uma boa atuação da equipe de Abel Braga. Gilberto, duas vezes, Marcos Júnior e Robinho marcaram, mas o grande destaque foi o meia Sornoza, com três assistências e um gol.
Garantido na terceira fase da Copa do Brasil, o Fluminense fica no aguardo do classificado do confronto entre Juventude e Avaí. As equipes se enfrentam na próxima quinta-feira, dia 22, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.
 
O próximo jogo do Tricolor é pelo Carioca: dia 21, quarta, contra o Bangu.
O garçom voltou
?
O Fluminense resolveu rápido o confronto: 2 a 0 logo aos 19 minutos. Para isso acontecer, a torcida viu um jogador que estava devendo no ano brilhar. Sornoza, ameaçado até de perder a vaga entre os titulares antes da partida, teve fome de bola e iniciou a jogada de dois gols. No primeiro, tabelou com Pedro e serviu Gilberto dentro da área. O lateral encheu o pé direito para abrir o placar.
Minutos depois, o equatoriano fez lindo lançamento e achou Marcos Júnior dentro da área. O camisa 35 dividiu com o goleiro Mondragon antes de balançar a rede adversária.
Evolução à vista
Antes do jogo, Abel havia dito que os 12 dias de treinos serviram para a evolução do time. O que se viu em campo foi exatamente isso. O técnico seguiu com os três zagueiros e deu certo. Com Richard na proteção, a zaga não passou sufuco e Júlio César só trabalhou em chutes de longe.
A boa chegada com os laterais foi o grande destaque. Marlon e Gilberto foram à linha de fundo e apareceram na área para finalizar. Foi assim que o camisa 2 fez o terceiro do Flu, o seu segundo na partida. Robinho cruzou da direita, Pedro tentou dominar e a bola sobrou para ele: 3 a 0.
Aos 21, Sornoza voltou a servir um companheiro. O equatoriano poderia ter batido, já estava dentro da área, mas, dessa vez, encontrou Robinho, que bateu bonito e fez o quarto, transformando a vitória em goleada no Nilton Santos.
Aos 42, a consagração. Sornoza tabelou com Pedro e bateu no cantinho, deixando sua marca e selando o placar final: 5 a 0 para o Fluminense.
O que não deu certo
A maior dificuldade do Fluminense foi a saída de bola pelo meio, com Gum e Richard forçando passes longos - e sem sucesso. Isso aconteceu quando o Salgueiro conseguiu fechar as laterais, tirando a liberdade dos alas Marlon e Gilberto. É uma das coisas a ser observada por Abel para os próximos jogos.
Faltou o gol do garoto
Titular desde a saída de Henrique Dourado, Pedro convive com a pressão de marcar gols. Não saiu no Niltão, mas o camisa 32 jogou bem. Participou de três gols e fez bons pivôs, ajeitando a bola para a chegada dos meio-campistas. A chance de ouro veio no fim, em passe de Marlon, mas o chute foi para fora.

TEXTO: LANCEPRESS
FOTO: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.
Voltar
Tenha você também a sua rádio